Jornal Informativo CEF (JVM)
Pesquisa

Derrota de Moreirense frente ao Braga
Por Miguel Ferreira (Aluno, CEF T2.1), em 2013/05/09425 leram | 0 comentários | 214 gostam
Moreirense perde com Sporting de Braga
O Moreirense perdeu este jogo graças a uma primeira parte terrivelmente má. A equipa esteve presente fisicamente, mas muito longe futebolisticamente, não fosse essa péssima primeira parte, estaríamos muito provavelmente a festejar a vitória. O Braga abriu o marcador bem cedo aproveitando uma das imensas falhas da defesa ao longo da época. A equipa sofre muitíssimos golos infantis, que se pagam bem caro. Carlão aproveitou o muito espaço concedido pela defesa e atirou colocado para o golo. O Moreirense não conseguia interligar as suas linhas, a bola passava diretamente da defesa para o ataque e isso é um brinde aos adversários. Estávamos em desvantagem no meio campo, entregávamos a iniciativa ao Braga, e cedíamos muito espaço no centro do terreno. Para complicar mais as coisas, Vinicius não acertava um passe, perdeu bolas infinitas e com isso não conseguíamos sair a jogar. Estávamos a jogar com onze jogadores em campo, mas era como se não estivéssemos. Wagner estava em campo apenas porque alguém o meteu lá dentro: não desequilibra, não defende, não cruza, apenas fica a olhar. Quando se têm jogadores assim, não se pode esperar muito mais. O segundo golo é mais uma anedota que ninguém acredita, um lance que devia estar ganho pela nossa defesa transforma-se, num livre, num cartão amarelo e num golo. Pintassilgo a proteger a bola para o lançamento lateral perdeu-a, fez falta, e da falta nasceu o golo, exatamente como contra o Estoril. Para complicar, o golo apareceu como sempre no último minuto, ou seja podíamos ter um plano para o segundo tempo, com o resultado em 1-0, com aquele golo foi preciso repensar tudo de novo.


Comentários

Escreva o seu Comentário